O Novo Vegetariano | Plenty

quarta-feira, setembro 03, 2014


" O meu objectivo é demonstrar que temos muita sorte (apesar de, infelizmente, nem todos) em viver e cozinhar num mundo que oferece tal espectro de ingredientes e tantas heranças culinárias onde nos basearmos. E é isso que me excita: a imensidão de ingredientes cozinhados e processados por tantas pessoas, de tantas formas, com tantos objectivos diferentes."
                                                                                       Yottam Ottolenghi

"My goal is to demonstrate that we are very lucky (though unfortunately not all) living and cooking in a world that offers such a range of ingredients and many culinary heritage. And that's what excites me. Immensity of ingredients cooked and processed by many people, in so many ways with so many different objectives."

                                                                                        Yottam Ottolenghi







Detalhes | Product detail: 

         Editora | Publisher: Civilização
         Data de publicação | Publication date: 2012
         Páginas | Pages:287
         Língua | Language: Português | Portuguese

             Comprar aqui | Buy here:  FNAC, WOOK


Yottam Ottolenghi não é vegetariano. A imagem de vegetariano surge do facto de ter crescido em Israel e na Palestina, tendo contactado com a imensidão de legumes, leguminosas e cereais nas diferentes cozinhas da região. A forma como aborda os legumes e cereais, a frescura e a originalidade com que prepara saladas, contribuiram para essa imagem, tendo sido convidado pelo Guardian, em 2006, para escrever uma coluna vegetariana para a revista Weekend. Todo esse trabalho ao longo de 4 anos foi compilado neste livro, para além de outras receitas novas, ainda não publicadas.

O livro está dividido em 15 capítulos, cada um deles tendo como base um ingrediente ou uma categoria de ingredientes. Cada receita, acompanhada de uma foto, é descrita com bastante detalhe, pelo que a sua execução se torna relativamente fácil. E isto é importante pois quando vi pela primeira vez as receitas deste livro e percebi que para preparar cada uma delas eram necessários vários ingredientes (nalguns casos mais de 15) a tarefa pareceu ser díficil. No entanto, depois de experimentar a primeira receita - Cuscuz de Inverno - rapidamente percebi que não só não era assim tão complicado como o resultado final era excelente em sabor e valia todo o esforço. Depois dos cuscuz, experimentei várias outras receitas, todas elas com um sabor fantástico:

Vichyssoise de espargos 

Sopa de legumes grelhados 

Ratatouille

Risotto de beringela e limão

Gaspacho verde

mas confesso que a Sopa de legumes grelhados e o Risotto de beringela e limão são até agora os meus preferidos.

Este é sem dúvida um livro para vegetarianos e não vegetarianos, sobretudo um livro para quem aprecia sabores fortes, misturas com texturas distintas e muita cor. Tornou-se um dos meus livros preferidos, por isso aguardo com expectativa a chegada do novo volume, que já em pré-venda, Plenty - more, e que será lançado no próximo dia 11 de Setembro.




Yottam Ottolenghi is not a vegetarian. The image of vegetarian comes from having grown up in Israel and Palestine, having contacted the immensity of vegetables, legumes and cereals in different cuisines of the region. The way he addresses the vegetables and cereals, freshness and originality with which prepares salads, contributed to this image, having been invited by the Guardian in 2006 to write a vegetarian column for Weekend magazine. All his work, over four years, has been compiled in this book, in addition to other new recipes, not yet published.

The book is divided into 15 chapters, each based on an ingredient or category of ingredients. Each recipe, accompanied by a photo, is described with enough detail so that their execution becomes relatively easy. And this is important because when I first saw the recipes in this book and realized that several ingredients
were needed (in some cases over 15) the task seemed to be very difficult. However, after trying the first recipe - Winter  Cuscuz - I realized that not only was not as hard, but the result was excellent in flavor and worth all the effort. After the cuscuz, I tried several other recipes, all with a fantastic flavor: 

but I confess that the Soup with grilled vegetables and Eggplant and lemon risotto are my favorites so far.

This is definitely a book for vegetarians and non vegetarians, especially a book for those who enjoy strong flavors, mixtures with different textures and lots of color. Became one of my favorite books, so I look forward to the arrival of the new volume, already in pre-sale, Plenty - more, and that will be released on the 11th September.




Detalhes | Product detail: 

         Editora | Publisher: Ebury Press
         Data de publicação | Publication date: September 2014
         Páginas | Pages: 288
         Língua | Language: Inglês | English

             Comprar aqui | Buy here:  Amazon, The Book Depository



You Might Also Like

6 comentários

  1. Ando bastante tentada a comprar

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Marisa
      Vale bem a pena comprares, é um livro muito bom. E o Plenty more já encomendei em pré-venda, acredito que seja também muito bom.
      Beijinhos
      Bom fim de semana

      Eliminar
  2. Este está na minha lista há algum tempo. O livro é lindo, tem imagens lindíssimas e as receitas são muito sugestivas.
    Desconhecia que ia ser lançado o segundo volume. ;)
    Beijinho.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Célio
      Se puderes compra os dois! :) Como viste no post, as receitas são muito boas e resultam sempre bem.
      Beijinhos
      Bom fim de semana

      Eliminar
  3. Não conhecia, mas pelo que li, irei comprar sem exitar :) Obrigada Helena pela partilha!

    Beijinhos
    Joana

    ResponderEliminar

Google+ Followers

Following on Google

ABOUT AUTHOR

Subscribe