Tarte de Noz Pecan com Tâmaras e Chocolate



Uma deliciosa tarte de noz pecan , a famosa sobremesa Americana, com uma massa de chocolate e um recheio adoçado com tâmaras


A noz pecan tem um sabor suave, bem característico, e é um excelente ingrediente para receitas doces ou salgadas, algumas bem saborosas que já aqui apresentámos. Lembro-me particularmente da Tarte de maçã, noz pecan e mel, com um excelente equilíbrio entre o ácido das maçãs, o doce do mel, e o crocante das nozes pecan.


A pretexto de mais um desafio do SweetWorld, das queridas Lia e Susana, adaptámos uma receita de tarte de noz pecan sugerida pela Popina, um dos nossos livros favoritos para receitas de tartes (sejam elas doces ou salgadas) e do qual também já falámos em detalhe aqui. A este doce tradicional da cultura gastronómica Americana, adicionámos chocolate na preparação da massa, sendo parte da doçura do recheio dada por uma massa que contém tâmaras, resultando numa deliciosa tarte, não muito doce e com pequenos pedaços de noz que lhe dão a textura perfeita. Não desfazendo das nossas nozes, a noz pecan é realmente um ingrediente muito bom para ter à mão nas nossas cozinhas.



Receita adaptada de:




Iguarias Saudáveis

Isidora Popovic 
Mel Editores, 2010




Uma deliciosa tarte de noz pecan , a famosa sobremesa Americana, com uma massa de chocolate e um recheio adoçado com tâmaras



Grau de dificuldade: médio
Tempo de preparação total: 1 h
Nota prévia: utilizar formas de tarte de cerca de 9 m de diâmetro, de preferência de fundo amovível

Ingredientes (para 6)

Para a massa de chocolate

225 g de farinha sem fermento
25 g de cacau em pó
125 g de manteiga sem sal, fria e aos cubos
85 g de açúcar amarelo
1 ovo








Para a massa fofa de tâmaras

60 g de tâmaras, sem caroço
30 ml de natas gordas
1 c. de sopa de água
30 g de manteiga sem sal, derretida
30 g de açúcar amarelo areado
1 ovo
5 gotas de extracto de baunilha
55 g de farinha em fermento
1 c. de chá de fermento em pó





  

Para o recheio de nozes pecan e Bourbon

1 c. de sopa de whiskey Bourbon
60 g de açúcar amarelo
1 ovo batido
20 g de manteiga derretida
60 g de nozes pecan, picadas grosseiramente


Para decorar

18 metades de noz pecan




Preparação

Prepare a massa de chocolate

Coloque a farinha, o cacau, a manteiga e o açúcar num robot e pique até obter migalhas.

Adicione o ovo e misture novamente.

Coloque a massa numa superfície ligeiramente enfarinhada e estenda-a com um rolo da massa até ter uma espessura de 3 a 4 mm.

Unte as formas de tarte com manteiga. Forre as formas  com a massa de chocolate, retirando o excesso de massa em torno da borda da forma. Leve ao frigorífico.


Prepare a massa fofa de tâmaras

Pré-aqueça o forno a 180 ºC.

Reduza as tâmaras a uma pasta, com o auxílio de um robot. Junte as natas e a água, misture bem, e reserve.

Coloque a manteiga e o açúcar numa tigela e misture bem. Adicione o ovo, a baunilha, a farinha e o fermento em pó. Finalmente, adicione a mistura de tâmaras e envolva bem.

Retire as bases das tartes do frigorífico, e deite 1 ½ c. de sopa da massa de tâmaras em cada forma. Leve ao forno durante cerca de 15 minutos, depois retire-as do forno, mantendo o forno ligado.


    Prepare o recheio de nozes pecan

Enquanto as tartes estão no forno, prepare o recheio de nozes pecan: coloque o Bourbon e o açúcar numa tigela e misture bem. Adicione o ovo, misture bem, depois acrescente a manteiga derretida e as nozes pecan, mexendo sempre.

Deite este recheio, com uma colher, por cima das tartes e espalhe bem. Decore cada uma com 3 metades de noz pecan e leve de novo ao forno durante 10 minutos.

Retire do forno e deixe arrefecer antes de servir.








4 comentários:

  1. Por favor, o açucar amarelo seria qual tipo de açucar? E qual a medida de nata?

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Priscila!
      Obrigada por reparar no lapso relativo às natas. São 30 ml...já corrigi!
      Quanto ao açúcar, é o que chamamos aqui em Portugal açúcar amarelo areado (diferente de açúcar mascavado). É um açúcar de cor amarela, ligeiramente refinado, e contendo algum melaço.
      Um beijinho
      Helena

      Eliminar
  2. Olá Helena,

    Muito Obrigada pela tua participação.
    Adoro este livro e acredito que esta receita seja mais uma delicia daquelas. Por acaso esta nunca fiz e gostei muito do resultado e aspecto das tuas pequenas tartes. Uma maravilha!
    O chocolate dá-lhe sempre aquele toque especial ;)

    Bjinhos

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Susana,
      obrigada por nos desafiarem desta forma! :)
      Este é um dos meus livros preferidos, pois os sabores são muito bons e as receitas resultam sempre bem. O chocolate foi uma adaptação minha, mas que resultou muito bem!
      Um beijinho
      Helena

      Eliminar